Acessórios e equipamentos para aquários

Pets

Compressor de ar comprimido

                Indispensável, esta é a palavra que melhor referencia este acessório. Serve para injetar ar comprido no aquário e dissolva oxigênio na água a vida dos peixes. Deve ser usado em todos os tipos de aquário (água doce, salgada, plantado, ciclídeos, marinhos, etc ).

                Procure sempre utilizar os equipamentos mais silenciosos, pois como ficará ligado o tempo todo não será tão incomodo durante seu uso.

                Junto a este dispositivo deve ser usada uma pedra porosa para dissolver o ar comprimido na água. Veja detalhes abaixo.

                Procure instalar o equipamento acima do nível da água do aquário para evitar que em casos de vazamento o equipamento não tenha contato com a água.

                Existem também compressores que funciona a pilha para eventuais falta de energia, e isso sempre pode acontecer.





Pedra porosa

                Deve ser utilizada junto ao compressor de ar, este acessório cria micro bolhas de ar dissolvendo o oxigênio na água do aquário.

                Existem pedras porosas de diversos tamanhos e tipos, algumas produzem bolhas maiores e outras menores. Existem algumas que criam uma espécie de “cortina de bolhas”, muito usada como decoração nos aquários. Analise bem os modelos de mercado para ter a melhor escolha.



Válvula controle de ar

                Para ter um controle no fluxo de ar injetado no aquário deve usar uma válvula de controle, com ela você evita que ocorra um tornado de bolhas e assuste seus peixes.

Existem modelos de todos os tipos e tamanhos, pois as mangueiras também variam de tamanho dependendo da sua montagem.

                Caso tenha mais de um aquário usando o mesmo compressor de ar é recomendado usar uma válvula de controle por mangueira, pois dependendo do aquário e de sua fauna pode exigir mais ou menos injeção de oxigênio.



Válvula anti-retorno

                A válvula anti-retorno é um item de segurança indispensável para seu sistema de ar do aquário, pois ele impede que a água retorne pela mangueira e entre dentro do compressor de ar, acredite isso e muito comum. Um exemplo é quando ocorre falta de energia e a água do aquário acaba voltando pela mangueira e sem esta válvula ela entra no orifício de saída de ar inundando todo o equipamento podendo provocar um acidente grave em sua casa.

                Esta válvula pode ser usada também em sistemas de injeção de Co2 de um aquário plantado, sendo instalado na mangueira que leva o Co2 para o difusor localizado dentro do aquário. Quando o Co2 acaba ocorre um vácuo no sistema sugando a água para dentro do cilindro (ou garrafa pet caso use sistema caseiro), e se está água tiver contato com a do aquário vai contamina-la levando um risco de vida a sua fauna.


Aquecedor e termostato

                O aquecedor e um dispositivo com uma resistência elétrica e quando ligado a energia e dentro do aquário produz calor aquecendo a água do aquário. Geralmente os peixes adquiridos são espécies de regiões diferentes do seu futuro criador, e poderá ter exigências de temperatura diferente da nova localidade, e no caso do peixe ser de regiões tropicais será necessário adequar à água a sua temperatura ideal.

                O modelo mais utilizado atualmente e o aquecedor termostato. Ele possui um ajuste de temperatura que você pode escolher de acordo com as necessidades dos peixes, ao atingir a temperatura desejada, o equipamento desliga automaticamente. A principal vantagem deste termostato é a não necessidade de monitorar constantemente o aquário a fim de evitar superaquecimento ou baixa temperatura da água, ele faz este controle automaticamente. Monitore seu aquário sempre que houver mudanças bruscas de temperatura do ambiente e faça o ajuste necessário quando preciso.



                Evite aquecedores sem o termostato, é muito comum encontra-los a venda nas lojas de produtos para animais. Esses equipamentos não mantem uma temperatura uniforme podendo acarretar perdas em sua fauna.

                O termostato deve ser instalado completamente submerso na água, por ele ser confeccionado em vidro pode quebrar caso tenha um aquecimento irregular. Na duvida leia atentamente o manual do fabricante.

                Os equipamentos são vendidos por potencia em watts (25W, 50W, 100W, etc). Existe uma regra geral para dimensionar o termostato onde deve calcular 1W para cada litro de água do aquário. Exemplo: Aquário de 100L = 100W / 50L=50W. Caso você more em uma região muito fria pode utiliza 1,5W no calculo.


Clique aqui para adquirir alguns dos produtos acima.


Fonte

SuaDica.com

Relacionadas

Pets Termômetro digital para aquários, terrários, chocadeiras, adega de vinho...

Pets Cães que cavam buracos no jardim

Pets Ideias para construir casinhas de cachorros

Pets Ansiedade Canina

[+] Veja todas
© 2012-2017 suadica.com

AVISO!!!